Gestão de Almoxarifado: 5 ações necessárias para o sucesso!
Em grandes empresas, é extremamente necessário se atentar para a gestão do almoxarifado. Neste local, ficarão armazenados muitos equipamentos e insumos valiosos. Se roubados ou perdidos, eles representarão um prejuízo considerável para a sua empresa.

Por isso, é essencial gerenciá-lo com eficiência: cuidando de sua segurança, controlando o fluxo de entrada e saída e otimizando o uso do espaço. Desse modo, algumas ações são necessárias para o sucesso e vamos falar delas agora:

1. Controlar o acesso

Nem todos os seus funcionários deverão ter acesso integral ao seu almoxarifado, pois, caso contrário, será muito difícil controlar o fluxo de entrada e saída. Com muitas pessoas, sempre haverá alguma que se esquecerá de anotar o que retirou.

Além disso, infelizmente, há várias possibilidades de fraudes: os próprios colaboradores podem cometer furtos, ladrões podem se passar por trabalhadores da empresa, etc. Para coibir essas ações, é importante deixar sempre alguém gerenciando o almoxarifado e dar a permissão de acesso a pouquíssimos funcionários, nos quais você mais confie.

2. Gerenciar a entrada e saída de objetos e materiais

Para otimizar o controle do fluxo de objetos e materiais, recomendamos o uso de qualquer software especializado em controle de almoxarifado. Caso não seja possível, um caderno poderá ser suficiente. Neles, devem contar sempre as seguintes informações:

  • Data
  • Quem retirou e quem acrescentou itens ao almoxarifado
  • Qual item
  • Qual quantidade

3. Otimizar o uso do espaço

Um almoxarifado desorganizado consequentemente causará uma maior perda de materiais e uma dificuldade grande em perceber qual é o tamanho do prejuízo. Além disso, você também correrá o risco de perder produtividade na sua empresa.

Imagine que algum setor esteja precisando de determinado insumo e ele não é encontrado em meio à bagunça. Para evitar essas situações, estabeleça categorias e divida o espaço de acordo com elas.

4. Realizar o controle periódico do estoque

O fato de controlar a entrada e a saída dos insumos já representa algum nível de controle de estoque. Entretanto, é preciso que você vá além dessa medida e também verifique todo o estoque frequentemente. Assim, você será capaz de prever a falta de determinado material, dimensionar as perdas e verificar a validade deles.

5. Investir em segurança: o grande trunfo da gestão de almoxarifado

A segurança é crucial para o almoxarifado e, mesmo assim, é muito negligenciada. No entanto, com um sistema moderno de segurança, você provavelmente conseguirá reduzir, a quase zero, as suas perdas devido à extravio de insumos.

Por exemplo, com um sistema autônomo de monitoramento, você será capaz de filmar todo o espaço em tempo integral. Assim, ficará mais fácil coibir o furto, identificar os criminosos e, também, verificar se seus funcionários estão agindo corretamente.

Fazer uma boa gestão de almoxarifado é uma tarefa que não pode ser adiada em sua empresa. Muitas pessoas com intenções criminosas sabem a fragilidade desse setor, o que o torna alvo fácil. Por essa razão, além de criar processos operacionais para otimizar o controle do almoxarifado, também é importantíssimo cuidar da segurança do espaço para reduzir as perdas e mitigar os danos.

Quer mais dicas para manter a segurança de seu almoxarifado e minimizar as suas perdas? Leia, então, nossas 5 dicas para prevenir perdas e roubas no almoxarifado!