Número de furtos em construções civis aumenta 17% e preocupa moradores e comerciantes em Poços de Caldas, MG

Nem mesmo os containers usados para guardar ferramentas e maquinários têm inibido a ação dos criminosos na cidade.

http://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/numero-de-furtos-em-construcoes-civis-aumenta-17-e-preocupa-moradores-e-comerciantes-em-pocos-de-caldas-mg.ghtml

Comerciantes e moradores estão assustados com o aumento no número de furtos aos canteiros de obras de construções civis em Poços de Caldas (MG). Segundo a Secretaria Estadual de Defesa Social (Seds), neste ano, os casos de furtos aumentaram cerca de 17% na cidade, se comparados com os registros feitos no ano passado.

Ainda segundo a Seds, o crescimento também é sentido em todo o Estado de Minas. Em 2015 foram mais de 6,7 mil casos, já no ano passado o número subiu para pouco mais de 7,1 mil registros.

Nem mesmo os containers usados para guardar ferramentas e maquinários têm inibido a ação dos criminosos em Poços de Caldas (Foto: Reprodução EPTV)

“Todo o tipo de equipamento está sujeito a roubo. A betoneira, gerador, martelete, andaimes. E, enquanto não muda, é o povo brasileiro que vai ter prejuízo, né”, disse o comerciante José Maria Font Juliá.

Para tentar inibir a ação dos bandidos, muita gente tem optado por guardar ferramentas e maquinários em containers, mas nem assim os furtos têm sido evitado.

“Era pra inibir um pouco o roubo, mas o pessoal não está tendo medo dessas coisas mais não. Eles estão entrando mesmo, eu não sei se é impunidade ou o que é, porque eles sabem que não leva há nada. Eles estão sem medo”, disse o empresário Francisco José Caifa Mesquita Filho.